Tour Revanche.

23 de agosto de 2011

Eu (Larissa) e Ingrid, chegamos no Clube Internacional do Recife por volta das 15:00 horas. Quando chegamos, não havia muitas pessoas ainda, mas já haviam algumas formando a fila... Enquanto esperávamos , várias pessoas puxavam alguns refrões, fazendo com que todos caíssem na tentação de cantar junto, as músicas que seriam tocadas durante o show. Por volta das 16:00 horas, várias pessoas já haviam chegado, e a ansiedade ficava maior a cada hora que se passava. Lá havia geralmente pessoas de Recife e Olinda. E aqui está alguns relatos enquanto esperávamos na fila:

Valdilene Silva - Recife
"Eu acompanho Fresno desde "Redenção", e de lá pra cá venho acompanhando sempre a banda. Cheguei aqui por volta das 16:30, e deixei outro compromisso pra poder estar aqui."
Marcelo - Olinda
"Eu conheço Fresno desde o primeiro disco,  e de lá pra cá faço tudo, ou quase tudo pela banda. Hoje deixei qualquer coisa pra poder estar aqui, afinal eu não podia perder o show da minha banda favorita."

Por volta das 18:30 os portões de abriram, fazendo com que começasse a correria. As pessoas foram divididas entre VIP, Front Stage e Pista, na qual foram separadas por cores diferentes de pulseiras. As pessoas que estavam na pista, puderam ver na hora em que a van chegou com a banda no portão lateral local, com isso muitas pessoas caíram com a correria, mas ainda puderam tirar as fotos pra registrar esse momento. Quando deu 19:10 a primeira banda de abertura entrou, e era a Amusia, que logo em seguida veio Bon Vivant e depois a Write Love. A Fresno subiu no palco exatamente as 22:00h, que era a hora marcada para acabar todo o show, e saiu do palco as 23:50h. Aqui está algumas fotos que tiramos durante o show.




 












Ah, e na fila haviam sido distribuídas várias plaquinhas pedindo pra que tocassem a música "Duas Lágrimas" que foram levantadas durante o show.. aqui está.

Também teve o relato de uma fã sortuda da banda, que conseguiu tirar fotos com alguns dos integrantes da banda, não só nesse show assim como em outros também, aqui estão as fotos da sortuda que se chama Lena:

                                                    



Após o show, conversei com o Bruno, que foi uma das pessoas que subiram no palco durante o show, e aqui ele conta como foi a sua experiência.
"No dia do show eu estava sentindo que eu iria subir no palco e realizar o meu sonho, quando começou o show da Fresno estava um empurra empurra então  fez com que tira-se a grade que dividia o publico da front stage e o palco, fazendo com que isso me desse a chance de ficar colado no palco, eu estava muito agitado tentando pegar na mão do tavares ou pelo menos ele olhar para mim, mas o Tavares pegou na mão do menino do meu lado então o menino puxou ele para baixo fazendo assim eu tocar nele. A partir dali eu ja achava que aquilo era tudo eu podia conseguir fazer para chegar perto da banda, mas então o segurança do palco viu uma menina tentando subir em cima do palco então ele foi lá tentar impedir, a partir disso eu vi a chance que eu tanto queria para subir no palco, então eu dei um impulso e sai correndo feito um louco e conseguir da um abraço no Lucas. Segundos depois o segurança entrou no palco e me "arrastou" para atrás do palco. Eu sei que para algumas pessoas foi uma coisa muito idiota o que eu fiz, mas enfim eu sou fã e hoje eu posso dizer que  consegui realizar o meu sonho." - Disse Bruno.

E pra finalizar, temos aqui três vídeos da Fresno em Recife:





Apesar do atraso o show foi ótimo, do começo ao fim, muitas lágrimas, gritos estéricos, subidas no palco, visitas ao hotel e aeroporto.. E ao irmos embora, passamos pelo Eduardo, o guitarrista da banda Write Love, que foi uma das bandas de abertura do show, que foi super atencioso e topou tirar uma foto conosco e ainda conversou com a gente. Bem aqui:

Espero que tenham gostado, beijos ;*